Sofreu ou perdeu um parente em acidente de trânsito?

Nós podemos ajudar!

Preencha abaixo para iniciar o pedido do DPVAT

O DPVAT (Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre) é um seguro obrigatório que protege todas as vítimas de acidentes de trânsito no Brasil. Seja motorista, passageiro ou pedestre, brasileiro ou estrangeiro, todos têm o direito de solicitar e receber a indenização.

O seguro cobre despesas dos danos ou indeniza parentes de vítimas fatais. Muitos pedidos do DPVAT são negadas por falta de experiência ao reunir todos os documentos necessários. Por isso o você pode contar com a ajuda da GC Assessoria Documental.

Como dar entrada nos pedidos de indenização de acidentes ocorridos até 31/12/20?

Os pedidos de indenização para acidentes ocorridos até 31 de dezembro de 2020 podem ser realizados por:

  1. Pelo  formulário nesta página
  2. Pelo WhatsApp 22 99984-8182
  3. Pelo chat no canto direito dessa página.

Como dar entrada nos pedidos de indenização de acidentes ocorridos a partir de 01/01/2021?

Se o seu acidente aconteceu a partir do dia 01 de janeiro de 2021, entre em contato com a Caixa Econômica Federal.

Seguro DPVAT saiba tudo sobre e o que você precisa para recorrer a ele.

Muitos que pagam o seguro DPVAT ainda não tem noção para que serve ou quem tem direito a ele, mas imagine essas 3 situações e tente responder quem tem direito ao seguro.

1º Situação: Um motorista ou motociclista se acidenta com seu carro e fica inválido devido aos traumas causados pelo acidente.

2º Situação: um ciclista é envolvido em um acidente grave e infelizmente vai a óbito.

3º Situação: Um pedestre é atingindo por um carro em via pública e fica gravemente ferido.

Consegui responder quem tem direito ao seguro DPVAT? Vamos te ajudar conhecer melhor esse seguro e no final da página você estará apito a responder!

SEGURO DPVAT – O QUE É?

Primeiramente você precisa saber que o Seguro DPVAT está reconhecido como um essencial instrumento de proteção social disponível para mais de 200 milhões de brasileiros. Seu objetivo é oferecer cobertura abrangente a todas as vítimas de acidentes no trânsito dentro do nosso território nacional. Esta proteção é assegurada por um período de até 3 anos dentro das três coberturas previstas em lei que são:
Morte, com indenização de R$ 13.500;
Invalidez permanente, com indenização de até R$ 13.500, sendo o valor estabelecido de acordo com o local e intensidade da sequela;
E reembolso das despesas médicas e suplementares , com valor que pode chegar a R$ 2.700.

O SEGURO DPVAT É GARANTIDO

• O Seguro DPVAT foi previsto é um Decreto-lei nº 73, de 1966, recepcionado pela nova ordem constitucional como lei complementar, e depois disciplinado pela Lei nº 6.194, de 1974.

• O Seguro DPVAT é um direito de todo brasileiro que sofre acidente em território nacional, seja motorista, passageiro ou pedestre.

• A indenização do Seguro DPVAT está fornecendo um aparo social e protege os brasileiros em casos de acidentes de trânsito, sendo favorável ao cidadão de renda mais baixa, levando em conta que menos de 20% da frota brasileira segurada. Ou seja, de 10 carros na rua, só 2 tem seguro.

• O seguro atualmente é o único valor que grande parte da população de baixa renda pode contar depois que um membro da família sofre um acidente de trânsito. Lembrando que mais de 20% das famílias no Brasil brasileiras vivem com menos de três salários mínimos por mês.

• O Brasil fica entre os 10 países com os mais elevados números de óbitos no trânsito, os acidentes quando não resulta em óbitos, são responsáveis por inúmeras sequelas físicas e psicológicas, principalmente entre a população jovem e em idade produtiva. A cada hora, quatro pessoas morrem em um acidente de trânsito no Brasil.

• Devido esses dados a situação poderia ser ainda mais devastadora ser a população não pudesse contar com a indenização do seguro DPVAT, pois o stress após um acidente de trânsito causa grande instabilidade financeira para essas famílias.

• O DPVAT é importante recurso para gerar receita para a União, do montante arrecadado 45% é destinado para o Sistema Único de Saúde (SUS) que cobre as despesas com a assistência médico-hospitalar das vítimas de acidentes de trânsito, 5% vai para o Denatran (Departamento Nacional de Trânsito),recurso usados para criação de campanhas educacional no trânsito.

Agora sabemos que você já pode responder as perguntas acima e pode contar com nossa assessoria para solicitar seu seguro DVPAT